14/06/2011 - 19:56 Atualizado em 14/06/2011 - 19:57

Mudanças no seguro desemprego dividem opiniões em Bauru

O trabalhador que for pedir o benefício será encaminhado para entrevistas e se recusar até três oportunidades de trabalho perderá o seguro

Da Redação / TV Tem

 

Para acabar com as fraudes no seguro desemprego, o governo federal tirou do baú uma lei que está dando o que falar. O trabalhador que for pedir o benefício será encaminhado para entrevistas e se recusar até três oportunidades de trabalho perderá o seguro. Nem todo mundo gostou da novidade.

 

Célia Pereira dos Santos de Oliveira deu entrada no seguro desemprego e vai receber o benefício por 5 meses. Para ajudar pessoas como Célia a encontrarem um novo emprego o mais rápido possível o governo federal está colocando em prática um sistema informatizado de busca de emprego.

 

Um cadastro com vagas no mercado será usado para o cruzamento de dados de pessoas desempregadas. Assim quando alguém der entrada no seguro desemprego o sistema online procura uma vaga compatível a função e salário anteriores. O governo federal espera assim reduzir as fraudes que ocorrem hoje no país, de pessoas que trabalham e mesmo assim recebem o seguro.

 

O dono de restaurante em Bauru afirma que já teve problemas com candidatos que recebiam seguro desemprego e queriam fazer acordo para trabalharem sem registro. Para ele, o novo sistema é justo. Outros, não concordam com a atitude do governo. O novo sistema funciona através de um portal chamado "mais emprego" (www.maisemprego.mte.gov.br).

 

Candidato é orientado a preencher o currículo e depois disso fica a espera da vaga. O portal mais emprego já funciona em 9 estados do Brasil. A previsão é de que até o fim deste ano os demais estados estejam com o sistema implantado. Mesmo quem não foi demitido e não recebe o seguro, mas está desempregado pode fazer parte do sistema pra encontrar uma oportunidade de trabalho.

 

Comentários

  • Nenhum comentário para esta notícia. Seja o primeiro a comentar.
AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal temmais.com. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal temmais.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.